S.O.S. Verão: cabelos loiros lindos e saudáveis nessa estação!

Mais dourados, mais acinzentados, platinados… Não importa o tom, os cabelos loiros ainda fazem muito sucesso entre as brasileiras quando o assunto é coloração. Porém, com a chegada do verão, o grande dilema das mulheres que têm os fios tingidos de loiro é: como manter a beleza e o brilho da cor mesmo diante da exposição intensa ao sol, cloro de piscina, água do mar e suor?

wallup.net

Pensando nisso, conversamos com a Adriana Marques, especialista em tratamentos capilares do salão Perfil Espaço de Beleza e com a Daiana Rosa, especialista em desenvolvimento e tecnologia de Cosméticos, para nos contar alguns truques que podem deixar suas madeixas mais saudáveis e prontas para arrasar na praia, na piscina ou onde quer que você esteja!

Loiros na piscina

Os cabelos loiros tonalizados tendem a desbotar com o uso excessivo da piscina. Segundo a profissional Daiana Rosa, isso acontece porque as escamas do cabelo estão mais frágeis, e o fato do cabelo estar submerso na água com agentes químicos, como o cloro, faz com que o pigmento seja trazido para fora da haste do cabelo, desbotando mais facilmente. A especialista Adriana Marques garante que a melhor maneira de evitar o desbotamento é investir em um tratamento de PH, para equilibrar e devolver o pigmento dos fios. Além disso, no mercado, podem ser encontrados diversas linhas de cosméticos que têm como função principal proteger das incidências desses agentes químicos, criando um filme protetor ao redor dos fios. Após o banho, recomenda-se a hidratação intensiva.

artsfon-com-14440

Esverdeou!

Toda mulher que tem os cabelos pigmentados de loiro já passou pela situação ou conhece uma amiga que viu os cabelos ficarem esverdeados após o uso da piscina. Segundo a Adriana, o vilão não é o cloro, como muitas pessoas imaginam: ” O culpado por esse reação e o sulfato de cobre, um ativo químico de cor azul.Na colorimetria conseguimos explicar essa reação: sulfato de cobre (azul) + cabelo loiro (amarelo) = verde.” Ela explica, ainda, que os cabelos mais suscetíveis a essa reação são os ressecados, porosos. Isto pode ser evitado com tratamentos criando uma película protetora, usando o leave-in antes de entrar na piscina. A profissional Daiana Rosa indica, ainda, enxaguar bem os cabelos após nadar.

O pente que te penteia

Entre um mergulho e outro, os fios ficam embaraçados e bagunçados, não é mesmo? E é bastante comum ver a mulherada aproveitando para pentear as madeixas. Mas, a profissional Adriana Marques faz um alerta: “Antes de pentear, a indicação é usar um leave-in e soltar o cabelo com os dedos. Depois usar, preferencialmente, pentes em madeira de carbono, que dá a função antiestática, diminuindo o frizz.
Mulheres ao mar!

Vai aproveitar o verão para tomar um bom banho de mar e renovar as energias para 2017? Está certíssima! Mas atenção: a alta concentração de sal presente na água do mar tende a desidratas os fios. “Quando sair do mar, enxague o cabelo com água doce. E se não for mais retornar ao mar, lave com shampoo e condicionador”, indica Daiana.

blonde-woman-on-the-beach

Protegidos do sol

E quanto aos sprays e cremes que prometem proteção solar? Eles funcionam? As especialistas garantem que sim: “Os produtos são submetidos a testes reconhecidos pela ANVISA e, na rotulagem, eles informam o quanto podem proteger e como devem ser usados para obter proteção total. O óleo de argan, por exemplo, fornece proteção UV, então os produtos com esse princípio ativo são indicados. A aplicação deve ser feita a cada duas horas e sempre que retornar do mar ou de um mergulho na piscina”, ensina Daiana.

Smiling woman tossing her hair

Hidratação máxima

Durante o verão o procedimento de hidratação deve ser adotado com maior frequência. Aproveite para usar produtos com poder nutritivo maior, reaplique sempre que expor os fios ao sol, água do mar ou da piscina, e invista em uma hidratação mais intensa nos salões sempre que possível. O uso dos shampoos sem sal também ajudam a manter os fios mais saudáveis.

Hoje, com a nanotecnologia, é possível tratar os fios loiros e deixá-los mais saudáveis. Há dezenas de tratamentos disponíveis no mercado: “Indico os tratamentos de ph, tratamento luz de aroma (que  retêm água nos fios, neutraliza odores e, com uma junção de três proteínas, fortalece, encorpa e traz brilho). Tratamentos de aminoácidos também são interessantes pois reconstróem a fibra com queratina hidrolisada”, garante Adriana.

wet-hair-medium-brown-hair-mask-min

Não podemos esquecer de um detalhe importante: o uso de chapinhas, babyliss e secador deve ser menor nesse período. Além do calorão na hora do uso, eles possibilitam o ressecamento dos fios.

Esteja preso!

Com o sol a pino, a tendência é que a mulherada que tem os cabelos compridos queiram deixá-los presos. Mas cuidado: manter os cabelos presos com elásticos pode potencializar a quebra dos fios em regiões mais frágeis. “O ideal é apostar nas tranças, que prendem os fios com muito charme e não quebram os fios”, indica Daiana.

beach-blonde-braid-fashion-favim-com-2489690

Agora, com essas dicas, é só curtir a estação mais quente do ano e arrasar com os cabelos de capa de revista.

img-20161128-wa0058 Dica da Selene

Atualmente, também sou adepta dos fios loiros. Quem cuida da saúde dos meus cabelos é a brilhante equipe do Soho. E, como não poderia deixar de ser, a linha de produtos dele é a minha favorita. Fiquei impressionada com o poder de nutrição. Por isso, os indico para todas as loiras que queiram ter os cabelos saudáveis e lindos, sem muito trabalho. Eu uso, especialmente, a linha matizadora, que ajuda a neutralizar pigmentos amarelos em cabelos loiros, descoloridos, com mechas e cabelos grisalhos. Essa linha tem, ainda, d’pantenol em sua composição, que auxilia na retenção da umidade dos cabelos, evitando a formação de pontas duplas.

Matizador -Home Care
Shampoo Soho Guenzi Matizador 300 ML -R$ 75
Máscara Soho Guenzi Matizadora 250 GR -R$ 85
Onde comprar: www.sohohair.com.br
sac: sac@sohohair.com.br

Fotos: Divulgação | Pinterest

Um prato light para garantir uma opção saudável na ceia

Terrine de frango.

A virada do ano é sempre acompanhada de guloseimas no Reveillon. A maioria delas, muito calóricas como o pernil, o chester, o lombo, acompanhados de farofas, maioneses, além de sobremesas também “engordativas” como os pavês, bolos e a tradicional rabanada. Se você tem se esforçado o ano todo para manter a dieta e evitar pratos mais pesados, garanta pelo menos uma opção light na sua ceia para não perder os benefícios do seu sacrifício ao longo do ano e invista nesta terrine de frango que é fácil de preparar e ainda é servida geladinha, o que combina e muito com um Reveillon que promete ser bem quente em todo país!

Anote a receita e já compre os ingredientes. O tempo de preparo é de 45 minutos e rende, no mínimo uma porção para 6 pessoas.

terrine3

Terrine de Frango e cenouras

Ingredientes

250 g de peito de frango cortado em tirinhas
2 colheres (sopa) de suco de limão
2 colheres (sopa) de azeite
1 dente de alho amassado
Sal e pimenta-do-reino a gosto
1 kg de sobrecoxa de frango sem pele e sem osso
1 colher (sopa) de salsinha picada
1 colher (chá) de estragão
2 colheres (sopa) de leite
2 claras
2 cenouras cortadas em palitos

terrine4

Modo de Preparo

Em uma tigela, tempere o peito de frango com o suco de limão, 1 colher (sopa) do azeite, o alho e sal e deixe marinar por 15 minutos.
No processador, triture bem as sobrecoxas de frango com a salsinha, o estragão, o leite, o azeite restante e as claras até obter uma pasta.
Tempere com sal e pimenta-do-reino e misture bem.
Com metade dessa pasta, forre o fundo de uma fôrma própria para terrine, untada com azeite.
Cubra com as tirinhas de peito de frango.
Por cima, disponha os palitos de cenoura e termine com o restante da pasta de frango.
Leve ao forno quente (200 ºC), preaquecido, em banho-maria, por duas horas ou até ficar firme.
Deixe esfriar e leve à geladeira por oito horas.
Sirva a terrine decorada com tomates-cerejas, damascos ou cercada de folhas ou aspargos.

terrine-palmito

No recheio, além de cenouras você pode adicionar pupunha e vagem manteiga.

terrine2

Fotos: Pinterest

Inspire-se: ideias para decorar a casa para o Natal

primeira

Faltam poucos dias para a chegada do Natal e, nessa época do ano, muitas pessoas sofrem com a correria do dia-a-dia e penam para arrumam um tempo extra para deixar a casa mais organizada, limpa e ainda decorada de maneira mais caprichada para receber a família e os amigos.
Confesso que essa é minha época do ano favorita. Tem presente mais lindo do que ter um lar todo aconchegante, repleto do amor da nossa família, com muita saúde, mesa farta de comidas deliciosas e tudo super bem organizado? Claro que não! Essa é a dádiva de Deus. Esse é o espírito do Natal.

imagem-05

Percebi que o mês de Dezembro foi para mim um mês bem atípico. Fiz organizações diárias. Trabalhei de Domingo a Domingo para poder atender todas as minhas clientes que desejavam ter sua casa pronta para as festas de final de ano.

imagem-02

Para mim foi um prazer poder contribuir com todas essas famílias queridas, que confiaram em mim para cuidar de seus lares. Vi coisas incrivelmente lindas e decidi compartilhar com vocês não apenas algumas inspirações, mas alguns truques que podem ajudar a manter tudo em ordem.

imagem-03

Esse bem estar que a ORGANIZAÇÃO proporciona e a qualidade de vida que gera, são os grandes presentes que várias famílias irão festejar.

Dicas natalinas

• Casa perfumada: você pretende preparar várias delícias, mas não quer que a casa fique impregnada com alguns cheirinhos não muito agradáveis, como os de fritura? Sem problema! Enquanto estiver preparando os alimentos, deixe, simultaneamente, uma panela de água fervendo com cascas de laranja, cravos da índia e canela.

glasmarkorer

• Taça personalizada: no meio da festança, é comum que muitos convidados acabem esquecendo onde deixaram suas taças. Para solucionar o impasse com charme, que tal investir em marcadores de taça? Você mesma pode fazer em casa! Escolha papeis de diferentes estampas, que combinem com sua decoração, e faça pequenas estrelas. Ainda dá para personalizar com o nome de cada convidado. Veja o molde aqui!

• Etiqueta à mesa: sem drama na hora de dispor pratos, talheres e demais itens na mesa. Basta seguir essa imagem abaixo e deixar tudo organizado, do lado certo. Seus convidados irão se surpreender com o capricho.

photo1

 

Que a magia do Natal e a mágica da organização estejam presentes em seu lar. Muita luz e muita paz é o que lhes desejo.

dedexmas

Dedé
Personal Organizer
*nossa colunista de organização & estilo

E como manter a dieta nas ceias de Natal?

ceia_de_natal-rita_heroina-640x465
Mesmo sem fugir do banquete usual, podemos ser criativos e cuidadosos na escolha e no preparo das ceias, para torná-las saudáveis e menos calóricas. É difícil fugir das tentações, mas não é impossível tornar este momento um pouco mais saudável.
Inicie o planejamento da ceia com antecedência. Monte o cardápio antes de ir às compras. Conte o número de convidados, calcule as quantidades necessárias e faça a lista de ingredientes.
De prato principal, prefira as carnes brancas, como frango e peru. Prefira os assados ou grelhados e retire a pele.
ceia-natal-light-4
Inove e inclua peixe como uma das opções.  Tender e pernil são carnes que contém mais gordura e colesterol.
Não há necessidade de seguirmos uma receita à risca, podemos e devemos tentar reduzir a quantidade de sal e principalmente de gorduras (óleos, manteigas e margarinas).
Para acompanhar, fuja de molhos à base de maionese e creme de leite. Cuidado com preparações como a farofa, rica em gordura.
farinha-no-forno
 
DICA: A farinha pode ser torrada em forno convencional e, posteriormente, adicionada aos demais ingredientes, como cebola e alho, azeitona, ovo cozido, cogumelos, uva passa ou banana passa, evitando assim fritá-la.
salada-de-natal
 
Procure fugir de saladas com maionese, como o tradicional salpicão. Sempre inclua preparações com verduras e legumes. Quanto mais coloridas, mais atraentes. Substitua a maionese por molho de iogurte natural.
Na sobremesa, dê preferência às frutas frescas como opções aos doces natalinos tradicionais, tais como o panetone, chocotone e a rabanada. Apesar de muito tradicional, a rabanada pode ter versões bem menos calóricas, que ao invés de frita pode ser preparada assada.
rabanada-de-forno
 
Lembre-se: as sobremesas devem ser consumidas com moderação, controle a quantidade e evite comer todas as opções.
ceia-natal-light-vigilantes-do-peso-4
 
As frutas frescas são sempre mais indicadas, uma vez que preservam maior quantidade de vitaminas, água e são ótimas opções para as sobremesas.
Cuidado com as oleaginosas (nozes, castanhas, amêndoas, avelãs) como aperitivo ou acrescentadas em preparações, pois fornecem muitas calorias, apesar de seus nutrientes benéficos.
comidas-natal-aperitivos-arvore-natal-queijos-verduras
Não fique beliscando e provando tudo que prepara para a ceia, pois serão calorias a mais.
Outra preocupação nessa data são as bebidas alcoólicas, que são calóricas e tendem a aumentar o consumo dos alimentos e serem acompanhadas por aperitivos muito calóricos. Cuidado com os coquetéis, pois eles utilizam muito açúcar, leite condensado, licores e álcool.
prato
Não repita a refeição. Um prato que contém verduras, legumes, cereais, carnes, é suficiente.
Na hora da ceia, em primeiro lugar faça um prato de salada. Coma à vontade. As fibras das hortaliças trazem saciedade.
E não abandone os exercícios físicos nesta época do ano!
Procure se exercitar todos os dias, se não for possível ir à academia, faça caminhadas, enfim mexa-se!
Pense diferente!
natal-light
Lembre-se que a ceia é só um item de tantos que podem ser vividos nesta época do ano!
Mesmo sem fugir do banquete usual, podemos ser criativos e cuidadosos na escolha e no preparo das ceias, para torná-las saudáveis e menos calóricas, sem retirar-lhes o sabor característico.
 receita-light-completa1-532x355
Boas Festas!
Thais Farhat de Siqueira

Perfeccionismo: uma exigência impossível de cumprir…

“Ainda não! Estou me preparando! Preciso aprender mais! Não está do jeito que eu quero…”

Essas são algumas das frases que jogamos para justificar nossa hesitação, dar explicações sobre os motivos de ainda não termos feito ou concluído algo que começamos. A intenção é sempre a mesma: causar uma boa impressão, fazer tudo “certinho”, “pra ninguém reclamar”, evitar críticas…

perfectionism

O perfeccionismo é um tipo de ansiedade, uma insegurança, um medo de que ao não ser percebido como absolutamente perfeito, seu valor próprio poderá ser ameaçado. Nem todo mundo “que se acha” perfeccionista realmente é! O perfeccionismo é uma patologia psicológica, a pessoa que simplesmente é cuidadosa, atenciosa e detalhista, mas não sente ansiedade para com a percepção alheia em cima de sua performance e resultados, NÃO É perfeccionista!

perfeita3

 

Uma das maiores armadilhas do perfeccionismo é que muitas pessoas veem esse traço como qualidade, dificultando ainda mais a percepção do perigo que esse mecanismo implica. Algumas pessoas se sentem orgulhosas ao afirmarem que são perfeccionistas, como se quisessem dizer “vejam como eu sou uma pessoa cuidadosa, caprichosa, detalhista e que só faz as coisas perfeitas!” Mas como disse, nem toda pessoa com esse perfil é realmente perfeccionista, mas por outro lado, o perfeccionismo em si não é uma qualidade.

 

Não é preciso muito esforço para perceber as origens deste comportamento: insegurança e orgulho.

A pessoa perfeccionista tem medo de opiniões negativas, por isso entra em pânico com a mera possibilidade de que seu desempenho possa eventualmente não ser impecável. Nesse processo, ela adia por muito mais tempo do que o necessário a execução ou exposição do que está preparando, numa tentativa de se preparar mais ou de aperfeiçoar o resultado e evitar qualquer tipo de crítica.

Pedantic housewife gardening. Trimming the bush to perfect

Essa insegurança nasce do orgulho, que também alimenta a noção de que os outros precisam percebê-lo como criatura magna, muito superior a qualquer possibilidade de imperfeição.

Pessoas assim têm muita dificuldade de receber feedback. Qualquer devolutiva sobre seu desempenho ou resultados é vista como sinal de que a perfeição não foi alcançada e como essas pessoas associam perfeição com valor próprio, a crítica bate em sua autoestima, dilacerando o senso de amor próprio. “Se os outros evidenciam minha imperfeição, então isso significa que eu não tenho valor algum.”

perfeita4

Esse comportamento leva a birras, mau humor, depressão, conflitos e mágoas. O perfeccionista não aceita crítica de ninguém, mas nem sempre ele confronta o outro, muitas vezes guardando mágoa e se voltando contra si mesmo, prejudicando a autoestima.

Com o tempo, a pessoa perfeccionista vai produzindo cada vez menos na vida para não arriscar se expor e acabar recebendo críticas. Muitos perfeccionistas são tímidos, já que a exposição social leva naturalmente a um maior risco de críticas e “vexames”.

pefeita2

 

O nível de perfeccionismo é medido pelo grau de ansiedade e preocupação com a finalização e “entrega” dos resultados. Isso pode ocorrer no trabalho, gerando estresse e postergação e pode ocorrer na vida pessoal também, como no início de um relacionamento quando pode haver uma expectativa de que o outro nos veja como homens ou mulheres sem qualquer defeito. Em ambos os casos, há uma crença incorreta de que os outros “devem” estar esperando por perfeição da nossa parte e que estaríamos em séria falta ao não entregar um desempenho à altura – ou que seríamos rejeitados se formos percebidos como “imperfeitos”.

No final das contas, o tiro sempre acaba saindo pela culatra. A moça que acha que o rapaz que ela está conhecendo não vai gostar dela se ela não for perfeita acaba ficando super nervosa em seus encontros e com isso acaba passando uma ideia de que não consegue ficar a vontade, que é uma garota chata e sem graça e até mesmo, que não gosta do rapaz, já que apreensão e nervosismo se traduzem na linguagem corporal em rigidez e timidez. Ou seja, ela está fazendo um esforço tão grande para agradar, está tão preocupada em não falar nada errado, não dar um passo em falso, que acaba provocando o efeito completamente contrário! O que os outros percebem em nós nem sempre é aquilo que estamos querendo mostrar!

young beautiful healthy woman and reflection in the mirror

Como lidar com isso?

Todo mundo tem orgulho e todo mundo tem níveis de insegurança, não dá pra mexer nesses pontos. Corrigir um comportamento perfeccionista não significa tornar-se uma pessoa altamente autoconfiante e desprovida de orgulho – tal ser humano simplesmente não existe!

Em primeiro lugar, a pessoa que tem esse perfil precisa desassociar a ideia ilusória de perfeição do valor próprio. Uma coisa não tem nada a ver com a outra, uma pessoa com “muito valor”, o que quer que isso signifique para cada um, não é necessariamente uma pessoa perfeita.

O problema todo está na crença que a pessoa mantém de que as críticas ou evidências de um desempenho imperfeito estão associadas a falta de valor como pessoa. Com muita frequência há uma generalização das críticas recebidas, o que aumenta o foco desproporcionalmente: “eu sou um idiota mesmo!” ou “eu nunca faço nada direito!”.

perfeita1

Um pouquinho de bom senso e observação do mundo à nossa volta pode fazer milagres para destruir essa noção. Por quê?

Muita gente pra lá de imperfeita se dá muito bem na vida, em todas as áreas. Críticas? Essas todo mundo recebe, os vencedores e os perdedores. A totalidade das pessoas públicas, por exemplo, de celebridades a políticos, possuem seus fãs, mas também possuem inúmeros detratores. Seres humanos são criaturas implicantes que adoram cuidar da vida alheia! Não importa o que você faça, nem mesmo se conseguir atingir um grau de qualidade hipoteticamente perfeito. Sempre vai ter alguém que vai criticar, que vai dizer que você poderia ter feito diferente, que não está bom, e assim por diante.

As listas de livros mais bem vendidos do mundo estão sempre cheias de livros de baixíssima qualidade, alguns muito ruins mesmo. Mas como diabos esses livros chegaram na lista de best-sellers? Porque o público-alvo desses livros não estava exatamente procurando por perfeição. Havia uma demanda, o autor preencheu, houve mídia suficiente para divulgar o livro e público suficiente para consumir aquele tipo de informação. Mesmo livros que hoje consideramos clássicos, se fossem analisados de um ponto de vista objetivo, com um padrão preto e branco de perfeição, diríamos que todos esses livros são imperfeitos. Em sites que contam com larga participação do público para postar resenhas e opiniões de livros como a Amazon.com, é possível ver inúmeros best-sellers com suas milhares de opiniões estelares, mas também críticas de quem considera tais obras “um lixo”.

perfeita6

O mesmo raciocínio pode ser aplicado a tudo o mais, música, pintura, os mais diversos tipos de produtos manufaturados, moda e por aí vai. Nós, como pessoas, também não escapamos da diversidade de opiniões sobre a nossa pessoa e sobre tudo o que fazemos – alguns nos adoram, outros nos odeiam.

A vontade de ser perfeito é na verdade um medo, uma insegurança de ouvir a opinião do outro, quando a mesma não é favorável a você.

Ser cuidadosa, detalhista e procurar fazer as coisas bem feitas, com zelo é uma coisa. Se autossabotar e postergar indefinidamente a conclusão de algo ou a expressão de uma atitude, de uma performance, pois se está aperfeiçoando, lapidando o diamante, antes de ir a público com o resultado, aí sim, é pura insegurança, medo da opinião alheia. E tudo isso nasce da percepção de que seu valor como pessoa está associado a uma suposta perfeição.

Destrua essa crença e você terá superado o perfeccionismo.

Cotas para mulheres na política… Tem que ser para valer!

Todas nós ficamos chocadas ao assistir pela TV aos resultados das urnas, em todo país, com tão poucas candidatas mulheres sendo eleitas, mesmo depois de tantos apelos inclusive do TSE para que a eleitora mulher busque ser melhor representada, quando é absoluta maioria na população e expressiva minoria nas câmaras e assembleias. Mas o choque se deve não à continuidade dessa realidade, e sim, ao “misterioso” número de candidatas a vereadoras nas eleições deste ano que obtiveram “ZERO” voto na apuração.

Incrível que nem mesmo a própria candidata tivesse votado em si própria. Mas isso tem explicação: muitos partidos inscreveram “candidatas laranjas” – aquelas “só para constar” e fechar a conta necessária das cotas estipuladas pela justiça eleitoral! A Dra. Luiza Eluf, nos explica melhor essa triste realidade…

“As eleições municipais desse ano mostraram um eleitorado indignado e revoltado com relação aos políticos e à política.

O problema dos brasileiros é que, como resposta ao descontentamento, sempre escolhem o caminho errado. Deixar de votar não resolve nada e ajuda a perpetuar as falhas que geram tanta insatisfação, permitindo que candidatos inadequados sejam novamente eleitos. Ficou comprovado que a população, de alta ou de baixa renda, reage de forma ineficaz ao próprio descontentamento. E pior do que negar o sufrágio é destilar a raiva clamando pela volta da ditadura militar. Podemos considerar que a ignorância política supera qualquer outro tipo de desconhecimento em nosso país.

politics

Por outro lado, nossos legisladores, ao fazerem uma reforma política açodada no último ano, talvez no intuito de dar uma resposta aos movimentos populares que encheram as ruas das cidades recentemente e que foram responsabilizados pelo sucesso do impeachment, conseguiram criar regras que, aparentemente, se destinavam apenas a manter tudo como dantes. Ou seja: tempo de campanha exíguo e insuficiente para divulgar candidaturas de pessoas ainda não eleitas: propaganda partidária no Rádio e TV, no horário político, totalmente fracionada em várias chamadas dispersas e rápidas, durante o dia todo, de modo a pegar os eleitores no susto sem lhes dar tempo para se concentrar no assunto que estava sendo veiculado. Isso, sem falar no encurtamento do período oficial de campanha.
Por fim, impossível não mencionar o vexame inacreditável imposto às candidaturas femininas em todo o país.

urna-eletronica-eleicoes

Nossa legislação prevê cota obrigatória de 30% para mulheres nas listas dos partidos. Se a cota não é cumprida, o partido é punido. O resultado disso é que 14,5 mil candidatas a vereadora em todo o Brasil não receberam nenhum voto! Zero voto significa que nem elas votaram nelas mesmas. Esse dado foi colhido por um levantamento da TV Globo, em parceria com a agência de dados Gênero e Número e com base em informações do Tribunal Superior Eleitoral. Com relação aos homens, apenas 1.704 tiveram zero voto. Os dados demonstram claramente que um número significativo de candidatas são colocadas no pleito apenas para cumprir a porcentagem prevista em Lei, o que desvirtua completamente a finalidade para a qual as cotas foram criadas.

O mencionado resultado não pode passar em branco. É evidente que a participação das mulheres na política é muito importante para o desenvolvimento social, econômico e político do país. Zombar da Lei dessa maneira merece que uma providência seja tomada. E só há uma medida possível para resolver o problema: as cotas de 30% devem ser instituídas nas Casas Legislativas, a saber, nas Câmaras Municipais, nas Assembléias Legislativas dos Estados, na Câmara Federal e no Senado. As mulheres representam mais da metade da população.

Sabemos que nova reforma político-eleitoral está sendo gestada no Congresso. Discute-se o voto distrital e o voto em lista fechada do partido, dentre outros temas. Seja qual for a próxima novidade, esperamos que venha para o bem do país e não para o bem de quem escreve a Lei. Importante, também, que sejam dadas reais oportunidades para as mulheres, garantindo-lhes não apenas um lugar no rol de candidatos, mas um lugar respeitável no Poder.

mulher-na-politica-1

Desta forma, uma mulher candidata terá chances reais de se eleger, sem a necessidade de escárnio legal e sem risco de exploração moral e cívica da população feminina.”

Luiza Nagib Eluf é Advogada. É Ex-Procuradora de Justiça do Ministério Público de São Paulo, Ex-Secretária Nacional dos Direitos da Cidadania e Ex-Subprefeita da Lapa. É autora de sete livros, dentre os quais “A paixão no banco dos réus”, sobre crimes passionais.

No berço da nossa organização, alguma desordem tem lugar

Andréa Lopes, mais conhecida – nas redes sociais e na casa de muita gente que procura ajuda para colocar as coisas em ordem – como Dedé Organizervai nos emprestar aqui muito da sua experiência como personal organizer, dando dicas de arrumação, de estilo e decoração. Mas nesta primeira visita, ela nos presenteia com o seu olhar atento à cultura, aos costumes e algumas características curiosas dos nossos colonizadores europeus. Em sua recente viagem à Portugal, para socorrer uma amiga ( cujo closet da filha estava de cabeça para baixo), Dedé conferiu de perto, a origem tanto da nossa “ordem e progresso”, quanto de uma certa bagunça assumida… E é sobre isso que ela fala em sua primeira colaboração à nossa revista eletrônica.

dede

A tendência portuguesa de colocar tudo na rua como, por exemplo: exposições de fotografias, souvenirs, enfeites em datas festivas também se aplica às roupas a secar.
O interessante é que muitas casas tem sua lavanderia com varal (mesmo que pequena) e mesmo assim, os moradores as penduram do lado de fora da casa. Sim, do lado externo … na entrada da casa rsrs. Acho que essa peculiaridade tão rotineira foi o que mais me chamou a atenção durante um passeio.

lisboa

Lisboa se parece muito com o centro de São Paulo. Muitos edifícios antigos, museus e monumentos repletos de história.
Nessa viagem que conciliei trabalho e férias, pude com um olhar inovador perceber o interesse nas pessoas, na comunidade, na cultura e principalmente o respeito pela história. A essência de preservar a identidade portuguesa é evidenciada sempre com lembranças de fatos marcantes, como a colonização do Brasil e também em tragédias que abalaram o país como o terremoto de 1755 que foi a maior tragédia já registrada no país.

portugal1
Em visita a Sintra pude conhecer o Palácio da Pena e perceber que a organização já era presente no século XIX assim como o romantismo exaltado na mobília.

portugal5
Nos aposentos reais tudo tão ordenado, organizado e tão bem decorado. Cristais e porcelanas todos expostos de maneira tão organizada que mais me lembrava uma vitrine de um shopping de luxo de SP. Olhando a maneira como foram arrumados chego a pensar que a profissão de personal organizer não surgiu em 1985 nos EUA como aprendi durante minha formação/qualificação rsrs.

portugal-6
Pude perceber também que nossos colonizadores tinham a intenção de receber muito bem seus visitantes e passar uma boa impressão de requinte, aconchego e principalmente charme. Adjetivos que sempre expressamos e exaltamos com uma boa organização.

portugal4
Em algumas fotos tiradas no interior do palácio, percebe-se que apenas um guarda-roupa era suficiente para os pertences da rainha.

portugal3
A ostentação é ressaltada na sala de jantar.

portugal-2

Está certo que para manter toda essa organização, dezenas de servos eram necessários, mas ainda assim, é bonito de ver, tudo em seu devido lugar, pelo menos no interior dos palácios. Já no quesito das roupas nos varais externos, nosso progresso ao confiná-las aos quintais e áreas de serviço, parece ter sido um grande avanço, que eles consideram desnecessário.

Dedé Organizer

WhatsApp (11) 9 9995 7930 dedeorganizer@gmail.com